Anais CBFic - Volume 1 - 2018

Sociedade Brasileira de Ficologia - SBFic

Publicado em 26/11/2018

Volume 1 - 2019

Título do Trabalho

ALGAS MARINHAS: OS ESTUDANTES AS CONHECEM?

Autores

GESRAEL SILVA DE LIMA, MARIA GARDENIA SOUSA BATISTA, FRANCINALDA MARIA RODRIGUES DA ROCHA, LEILA MARIA LIMA DOS SANTOS, NATALIA PIRANI GHILARDI-LOPES, MATEUS OLIVEIRA DA CRUZ

Modalidade

Resumo

Área Temática

1 BIODIVERSIDADE, FILOGENIA E ECOFISIOLOGIA

Data de Publicação

26/11/2018

País da Publicação

Brasil

Idioma da Publicação

Português

Página do Trabalho

http://sbfic.org.br/anais_show/116

ISSN

Aguardando...

Palavras-Chave

Ficologia; Litoral do Piauí, Ensino fundamental.

Resumo

As algas marinhas bentônicas são conspícuas no litoral do Piauí, o que favorece a interação entre os moradores e dos estudantes das escolas localizadas em áreas litorâneas. Entende-se por seres bentônicos aqueles que vivem associados a um substrato nos ambientes aquáticos, mas as marés podem ser capazes de desprendê-los e carregá-los até a superfície, possibilitando o contato direto das algas com as pessoas. O presente estudo teve o objetivo de verificar a percepção de estudantes do ensino fundamental em relação às algas marinhas e foi realizado em três escolas localizadas em áreas de ocorrência destes organismos: Praia da Pedra do Sal (município de Parnaíba – PI); Praia do Coqueiro e Praia de Macapá (ambas no município de Luís Correia – PI). Adotou-se como metodologia o diálogo informal e apresentação de imagens de algas ocorrentes naquelas localidades litorâneas para os estudantes, nas salas de aula e nos horários de aula normal, não necessariamente as de ciências, pois nas séries iniciais de ensino fundamental as aulas são consideradas polivalentes, bem como os professores que ministram quase todas as disciplinas. Participaram 168 alunos, de 6 a 16 anos de idade, compreendendo uma turma de 1º ano, duas de 2º ano, três de 3º ano, duas do 4º ano e 5º ano, totalizando dez turmas do ciclo I do ensino fundamental. Os estudantes relataram que sempre veem as algas marinhas na superfície, porém as nomeiam de diversas formas, como lodo, água viva, planta do mar, mato, uva, “bichinho que estoura”, mas alguns as conheciam como algas marinhas. Quando questionados sobre as utilidades das algas, as respostas foram bem diversificadas, quais sejam, alimentação dos peixes, baleias, tubarões, cavalos marinhos e tartarugas, enfeitar os mares, casas e aquários, servem de vegetação dos castelos de areia construídos por eles, hábitat e esconderijos de peixes e cavalos marinhos, ou ainda, respostas que nos remetem à importância das mesmas, como para pesquisas, descoberta de alguma “coisa”, produção de medicamentos. Quando questionados sobre a importância, alguns afirmaram ser importantes, mas não definiram sua importância; já outros responderam que eram importantes para a alimentação de seres aquáticos, manutenção da vida marinha, colorir o mar, para peixes se esconderem dos maiores, limpeza do mar e estudos. Conclui-se que há necessidade de se ampliar o contato de estudantes do ensino fundamental I com as algas marinhas, relacionando as características dos seres ao cotidiano dos estudantes e sua importância ecológica, biológica e econômica.